quarta-feira, 11 de março de 2015

Retrato: Bruna Pelluzzo

Bruna Pelluzzo, ao completar 18 anos e ingressar na universidade, ganhou uma bicicleta de presente.
Ela tinha como propósito usá-la para o lazer e para ir à faculdade.  
Após as primeiras incursões, ela percebeu que como o horário das suas aulas era na hora mais quente do dia e  nem sempre o caminho mais curto é o mais agradável, resolveu mudar o trajeto e passar por dentro dos bairros, pelas ruas menos movimentadas e mais arborizadas. Mesmo que demorasse um pouquinho mais, sentiu que valia a pena e começou a desfrutar dos benefícios de se locomover de bicicleta ao sentir o vento batendo no rosto, ter a sensação de liberdade, a tranqüilidade e o fato de poder conhecer melhor a cidade.  
Pelo fato de Vitória ainda não ter se tornado um megacentro como São Paulo e Rio de Janeiro e por ser uma cidade relativamente pequena, ela destaca que isso faz com que quase todos os lugares sejam rapidamente acessados, Bruna, ama Vitória e a considera uma cidade linda.
Ela acredita que por tudo isso, Vitória tem tudo para se tornar a cidade das bicicletas, porque os capixabas têm reivindicado condições melhores para os ciclistas e consequentemente o poder público vem tomando iniciativas como construção de ciclovias e ciclofaixas, e por isso ela tem visto cada vez mais pessoas utilizando a bicicleta como veículo diário.




Com toda a sua naturalidade, Bruna contempla a paisagem da Curva da Jurema e estampa o que podemos chamar de FELIZ PEDAL!!!

sexta-feira, 20 de fevereiro de 2015

Vamos passear de bicicleta?

Para nós do Movimento Cycle Chic é sempre muito inspirador encontrar um casal pedalando juntos de mãos dadas ou simplesmente dividindo a mesma bicicleta.
"Vamos passear de bicicleta?" para quem não sabe é uma música do produtor, guitarrista, baixista, compositor e cantor brasileiro do genêro Soul chamado Hyldon, que em parceria com Tim Maia e Cassiano compôs alguns hits como "Na Rua, na Chuva, na Fazenda (Casinha de Sapê)", "As Dores do Mundo", "Na Sombra de uma Árvore", "Acontecimento" e "Velho Camarada".
Vale a pena conferir o link abaixo com a faixa que dá nome ao post.  



Feliz Pedal!!!

sexta-feira, 23 de janeiro de 2015

Retrato: Laila Faria

Desde sua tenra idade, Laila Faria, 29 anos, analista de marketing, guarda recordações e o seu presente de natal mais especial de todos os tempos: uma bicicletinha vermelha que hoje não passa da altura de seus joelhos.
Ela diz que foi amor à primeira vista e entre uma recordação e outra,  nos revela que aprendeu a pedalar sozinha e que também ensinou a sua melhor amiga, Lu, a se equilibrar e pedalar sem as rodinhas.  "Ela achava que a gente era muito boba de andar com rodinhas", relembra Laila. A amizade dura até hoje e a presença da bicicleta ainda é muito marcante, pois vão para todos os lados juntas!
Quanto ao fato de ter escolhido a bicicleta como veículo oficial o qual lhe trouxe mais tranqüilidade e conforto, ela considera um meio de transporte extremamente prático, que não a faz sofrer as dificuldades do trânsito.  O stress do dia voa junto com o vento pelo caminho e de quebra ainda faz um exercício!
Quanto ao fato de ser alta  (1,82 m), ela diz que isso a torna um pouco "desastrada" e recentemente sofreu uma queda, ficando durante um mês usando tipóia e sem poder pedalar. Mas isso jamais a fez desanimar! Ela agora tem mais cuidado para que outro episódio como esse não torne a repetir.



    MOCHILA: outra paixão de Laila.
    Na cesta, sempre leva água fresca para se hidratar.
"Kate" a sua atual bicicleta é considerada uma grande realização, uma paixão e orgulho transmitidos explicitamente em suas pedaladas,  Por tudo isso e por ajudar a promover a poesia urbana que é ver um ciclista chique circulando pela cidade  é que a Laila foi selecionada para estrear o ano de 2015.  
À ela e à todos, um FELIZ PEDAL!!!


terça-feira, 9 de dezembro de 2014

IN-TERIOR

Durante o Festival de Cinema do Interior realizado entre os dias 24 a 29 de Novembro deste ano, foi possível constatar que há uma cidade no Espírito Santo que parece ainda viver no século passado. Trata-se de Muqui, o maior Sítio histórico do Estado, com mais de 200 construções tombadas.
As construções são belíssimas e encantam pelo requinte.  Além disso,  muitas das pessoas se locomovem de bicicleta pela cidade, o que a torna ainda mais charmosa.
Confira fotos do cotidiano e do Passeio à Moda Antiga que rolou durante o FECIN.

Saia de bici! Se não tiver uma cesta, use uma bolsa tiracolo. 
A calça de stretch é coringa na confecção de uniformes.

 
Mãe e filha passeiam tranquilamente.  Adorei o look da filha!

Mais um uniforme chic!
Nem todo homem usa cesta na bicicleta, mas deveria!
Pequena cheia de estilo.
                                       Cena de filme!        Foto: André Fachetti
                                       Casal do cinema.       Foto: André Fachetti

                                        Criança Feliz!           Foto: André Fachetti

                                    Nos embalos do cinema.                Foto: André Fachetti
                           Geração do futuro.                  Foto: André Fachetti
                Detinha Son: Incansável e iluminada!          Foto: André Fachetti
                       Nem a chuva conseguiu evitar a ação!        Foto: André Fachetti
                   Luz, câmera, ação e Feliz Pedal!!!     Foto: André Fachetti

segunda-feira, 24 de novembro de 2014

Sacode a cabeleira!!!

"É quando o vento sacode a cabeleira..."
Cores, flores e cabelos loiros ao vento.
 O casaco de crochê abriga do vento e mantém o frescor e os longos fios negros esvoaçam.
Bata ao vento e solte o repique.
Short jeans, camisa estampada de algodão e cabelo estilosamente vermelho.
 Bolsa carteiro, calça de linho e madeixas cor de mel.
O lenço é uma ótima opção para quem quer manter os cabelos arrumados e soltos ao mesmo tempo.
A liberdade se mostra simplesmente com um sorriso.
FELIZ PEDAL!!!